Pesquisar este blog

terça-feira, 23 de março de 2010

Avatar, uma aula de estratégia

Sempre que alguma inovação realmente de ruptura chega, fica aquela sensação de um novo caminho explorado. Todos sabemos como nos sentimos ao ter contato com o novo. É uma sensação muito pessoal e especial. É lógico que os números acabam comprovando, mas o fato é que, presenciar um avanço do homem é algo extraordinário.

Avatar é sem dúvida alguma uma nova experiência cinematográfica. Analisando o mercado, no momento em que ele está totalmente vulnerável para novas experiências de consumo de conteúdo, que brigam pela atenção das pessoas, e com a pirataria em cada esquina, chega um James Camaron acreditando em um sonho. Se permitindo ir mais longe. É lógico que os US$300 milhões para filmar ajudou. Mas sabemos também que não é nada fácil criar um futuro próprio, algo legitimamente inédito. Estratégia está relacionada a ser diferente de seus concorrentes. Não precisamos ser melhores nas mesmas atividades que todos os outros. Sim achar novas maneiras de operar com foco claro de quem queremos conectar. Avatar é um filme de experiência única. Não existe concorrência para a experiência que ele cria nas pessoas. Acompanhe, temos recordes de bilheteria sendo batidos e presenciaremos o lançamento de toda uma nova indústria de filmes e telas agora em 3D. O que virá depois de AVATAR?

Nenhum comentário:

Postar um comentário