Pesquisar este blog

domingo, 4 de setembro de 2011

Os executivos estão adoecendo, aponta pesquisa da Isma-BR

Uma pesquisa feita pela International Stress Management Association no Brasil (Isma-BR) com 1.000 executivos de 25 a 60 anos apontou dados preocupantes no que se refere à saúde mental, física e emocional daqueles que ocupam cargos de grandes responsabilidades nas empresas.

A ISMA-BR levantou que quando se trata de sintomas físicos, as queixas mais comuns dos executivos são dores musculares, principalmente dor de cabeça; distúrbio do sono; problemas gastrointestinais e pressão arterial elevada.

Em relação aos reflexos emocionais 81% dos entrevistados percebem um alto nível de ansiedade, além de angústia e raiva, sentimentos que se refletem diretamente no comportamento e relacionamento desses executivos. Mais da metade admitiu o uso de álcool ou drogas, e mudanças nos hábitos alimentares e sexuais. Além do aumento de agressividade e constantes episódios de explosões de raiva. Consequências que, na maioria das vezes, ultrapassa a barreira individual, e atinge aqueles que estão a sua volta, colegas de trabalhos e familiares.

Segundo Ana Maria Rossi, presidente da Isma-BR, o aconselhável nesses casos é desenvolver mecanismos para administrar todas as situações e contratempos diários O importante, diz ela, é não ignorar a situação e evitar o isolamento.





Nenhum comentário:

Postar um comentário