Pesquisar este blog

quinta-feira, 19 de janeiro de 2012

Tempo bom não volta mais... saudade... Kodak... não te vejo mais....

Talvez a turminha da geração Y não conheça o bebum da Praça é Nossa - programa humorístico do SBT - que durante décadas fez a alegria do pobre povo rico brasileiro, cantarolando a musiquinha do título deste post.

Empresa referência no mercado de fotografia, a Kodak com 130 anos de história no lombo, entrou com um pedido de concordata nesta quinta-feira (19/1/2012), depois de obter uma linha de crédito de US$ 950 milhões para continuar operando. O empréstimo (com vencimento de 18 meses) e a proteção contra credores, afirma a agência de notícias Reuters, podem dar o tempo necessário para encontrar compradores para suas patentes e se reestruturar enquanto continua a pagar os 17 mil empregados.

A desvalorização da companhia pode ser explicada porque ela ficou atrás das concorrentes que abraçaram a tecnologia digital mais rapidamente. Conheça a seguir um pouco da história da Kodak, empresa criada em 1880 e que lançou, entre vários produtos, o primeiro filme fotográfico e a primeira câmera digital profissional. Veja! Lançou a primeira câmera digital. O que aconteceu depois?

Pena! De líder mundial de fotografias ao pedido de concordata. As mudanças estão ocorrendo o tempo todo e velocidade na inovação é a regra maior do mercado. Será mais um caso a ser estudado pelos gurus americanos do management?

Nenhum comentário:

Postar um comentário